Por que Deus me permite viver tudo isso?

Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti.” (Isaías 43:2)

Que maravilha de Deus! Como é bom sabermos que o Senhor é conosco! Mas muitas vezes pensamentos, por que tenho que passar por estas coisas? Porque a vida não pode ser mais tranqüila? Às vezes vêm até mesmo pensamentos de justiça divina… Hoje eu quero dar um enfoque diferente para você que vive com o Senhor, e se questiona sobre tais coisas.

Quando meditamos nesta palavra, vemos que o Senhor está conosco, seja qual for a situação, inclusive nas dificuldades. Fala também que quando passarmos pelas águas dos rios, eles não nos submergirá. Com certeza aqui nos lembramos do povo de Deus, caminhando rumo à terra prometida, quando pela fé, atravessam o mar vermelho, e atravessam a pé enxutos! Como a própria bíblia diz, sem fé é impossível agradar a Deus, e eu ainda digo, sem fé, é impossível ocorrer ou viver milagres! Tudo bem, a bíblia também diz isso, glórias a Deus por isso.

Já quando lemos sobre passar pelo fogo, logo nos lembramos de Sadraque, Mesaque e Abednego.  Estes homens são marcos na bíblia, que mais do que confirmam a palavra do Senhor, quando diz que estará conosco e ainda, não nos queimaremos, nem ao menos arderá chama em nós. Estes homens de Deus foram lançados numa fornalha de fogo, o qual foi acesa sete vezes mais. Porém, nem mesmo os fios de seus cabelos se queimaram, isto porque quando o rei Nabucodonosor se levantou, viu que não havia somente três, mas quatro, e o quarto era como um anjo de Deus, o próprio Senhor lhes dando livramento.

E é nisso que meditei por esta manhã, quantas vezes escutamos sobre livramento, mas nossa ficha não cai de quão grande amor e cuidado tem o Senhor por nós. Muitas vezes buscamos neste mundo o dinheiro e o que ele pode oferecer, inclusive a segurança, mas a palavra de Deus nos garante que se Deus não vigiar, em vão vigia sentinela. É Nele que precisamos depositar nossas confianças e glorificar seu Santo Nome por tão maravilhosas obras.

Mas mesmo assim, com certeza já passou no coração de cada filho de Deus aquela palavrinha que vemos nossos filhinhos usarem, e nem sempre sabemos responder: Mas… por quê? E a resposta é simples… Para que tenhamos experiência com o Senhor, é para testemunho que glorifica o nome do Senhor Jesus e que leva tantos perdidos deste mundo de volta aos braços de seu verdadeiro Pai. Ou porque não dizer que nos traz fé para futuras experiências, onde não passaremos aflitos, mas dando glória!

Amados, a bíblia nos diz que o sol nasce para justos e ímpios, e que a chuva cai para bons e ruins. Todos que estamos neste mundo, estamos sujeitos as conseqüências que dele decorre, e isto é claro, é a resposta as nossas atitudes, erros e pecados. E disso não tem como fugir, mas há onde depositar nossa esperança, e este lugar é firmando sobre a Rocha, sob a sombra de Suas Asas, debaixo de Sua Mão Onipotente.

Abraão é conhecido como o pai da fé, mas por que será? Para mim, a resposta é simples. Ele viveu as experiências ao lado do Senhor, escolheu viver as experiências que o Senhor lhe propunha, ao invés de ficar a mercê das experiências que este mundo nos propõe e temos que passar sozinhos. E estas experiências nos trazem esperança. O apóstolo Paulo diz que também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência, e a paciência a experiência, e a experiência a esperança (Rom 5:3b-4).

Por isso meu amigo, lembre-se que a palavra de Deus nos garante que ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria (1Co 13:2). Portanto, buscai pois este amor, este dom divino, que te levará a evangelizar pessoas que precisam de Deus, que estão mortas, secas, rejeitadas, carentes, necessitadas. E elas com certeza estarão em dificuldades por causa dos caminhos que o mundo as levou, mas com certeza, você terá testemunho vivo, para falar de um Deus que ressuscitou ao terceiro dia, e hoje vive, sentado a direita de Deus Pai, e que intercede por nós, que tem o melhor para nós, que nos ama, e que muda e preenche verdadeiramente as nossas vidas.

Olhe com os olhos do Senhor e diga: Deus meu, Deus meu, eu quero ser lapidado, deixar de ser pedra bruta e ser um diamante em suas mãos. Nada melhor do que o Senhor para saber como fazer, mas Senhor, que eu tenha a alegria de passar tudo ao seu lado, tendo a certeza de que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam ao Senhor!

Ricardo de Magalhães Cruz ( 13 de novembro de 2008 )
Texto bíblico: Almeida, corrigida e fiel.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s