“… os quais entreguei a Satanás…”

É possível alguém ser entregue a Santanás por outra pessoa, ou até mesmo pelo próprio Deus? Esta é uma pergunta que talvez assuste muito as pessoas, e por isso, gostaria de estudar um pouco sobre o tema. Vejamos o que a Bíblia fala a respeito. Na verdade, vamos deixar o antigo testamento de lado, e o exemplo clássico de Jó, e nos atentaremos ao novo testamento.

Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (Jo 3:16)

Isto quer dizer que na luta que Satanás quer travar contra Deus pelas almas das criaturas, nosso Pai Eterno em sua infinita misericórdia nos deu seu filho divino, ou seja, também Deus, para se fazer fiador de nós, cristãos. Isto quer dizer o mais perfeito amor.

Mas se nosso Pai deseja nos salvar do inimigo de nossas almas, me pergunto porquê ele entregaria nossas vidas justamente a ele?

O novo testamento tem o foco principal de nos falar sobre uma nova aliança, que nos traz a salvação e como devemos desenvolvê-las. Diz ainda que isto se dá através do tEu Santo Espírito, mediante também aos ministros de Cristo Jesus.

Mas aonde está dizendo na bíblia que isto ocorre? Vejamos o que diz a primeira carta que o apóstolo Paulo envia a seu amado filho em Cristo, Tímoteo.

Este mandamento te dou, meu filho Timóteo, que, segundo as profecias que houve acerca de ti, milites por elas boa milícia; Conservando a fé, e a boa consciência, a qual alguns, rejeitando, fizeram naufrágio na fé. E entre esses foram Himeneu e Alexandre, os quais entreguei a Satanás, para que aprendam a não blasfemar. (ITm 1:18-20)

Nesta caso, o ministro da igreja gentílica aconselha a Timóteo a não ignorar a voz de Deus, no caso, as profecias, e conservar a fé diferente daqueles que a rejeitaram. Porém, não entregou estes homens para que tenham condenação, mas para que possam ser tratados em suas próprias iniquidades e escolhas, para que, no dia de Cristo, possam ter salvação. Na verdade, Paulo só fez aquilo que Deus assim já escolheu anteriormente, não foi na carne, mas no espírito. É o que ele deixa claro lá atrás em sua primeira espístola aos coríntios:

Seja entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no dia do SENHOR Jesus. (1Co 5:5)

E como todo bom Pai, Ele também nos corrigi. Nos corrigi por amor. O que Deus sabe, que os homens secular ainda não sabem é que, nós nascemos com um grande buraco em nosso ser, e este grande vazio chama-se ausência de Deus. Ausência de comunhão com o Pai, de fazermos aquilo que nascemos para fazer, conforme a sua boa, agradável e perfeita vontade.

Porque o Senhor corrige o que ama, E açoita a qualquer que recebe por filho. (Hb 12:6)

É exatamente isto que está nos dizendo, na epístola aos Hebreus. Mas como ele pode nos corrigir trazendo-nos a dificuldade, a angústia, se dEle só provém tudo aquilo que é bom? A resposta é simples, te entregando ao príncipe deste século, do qual advém todas estas coisas, ou em outras palavras, permitindo que este possa tocar em sua vida através das brechas que você mesmo abre em sua vida pecaminosa, visto que já escolheu através de seu lívre-arbítrio.

Se aceitamos a correção somos filhos, pois todo pai corrige seu filho, este é o seu papel, mas se não aceitamos, então como podemos estar aceitando esta paternidade? Esta carta nos deixa claro que estamos assumindo o papel de bastardos. Diz ainda que estes pais que nos corrigem, nós nos sujeitamos. Por que então não nos sujeitaremos a Deus? Por que a um pai terreno, imagem pequena e imperfeita do verdadeiro Pai, deveremos nos sujeitar e entender este papel como o de quem ama, mas do Pai eterno ignoramos tais atitudes e dizemos que não sabemos em qual bíblia fala-se isso de Deus? O que falta entender é que Deus não nos corrige com um entendimento parcial, mas para nosso próprio proveito, com intuito de participarmos de sua santidade. Lembra-se do que falamos? Nascemos para isto, e quando descobrimos e vivemos em plenitude, só então não queremos largar, mas sim viver por fé, e não por entendimento deste mundo.

Lembre-se, toda correção, a primeira vista parece unicamente sinal de tristeza, mas quando realizado por Deus, é exercício que nos produz fruto pacífico de justiça. Devemos rejeitar toda imundícia e malícia, e receber com mansidão esta palavra de Deus, porque ela é palavra de salvação. Tiago diz que:

Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações. Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza. Humilhai-vos perante o Senhor, e ele vos exaltará. (Tg 4: 6b-10)

A palavra de Deus é loucura para os homens. Precisamos ser humildes para ouvi-la, para pedir a sabedoria de Deus, pedir sensatez, que é inerente a nossa carne, por mais que nos esforcemos em estudos, culturas e filosifias seculares, faz parte única e exclusivamente da essência do Espírito.

É necessário reconhecer que Deus deixa claro a sua existência, e também a do diabo. Por isto devemos nos sujeitar a um e resistir a outro. Dizer que o diabo não é maior que Deus e por isto devemos ignorá-lo, não passa de atitudes de quem ainda tem muito o que amadurecer espiritualmente. De quem se vê maior aos ensinamentos de Deus, como se conhecesse-O e estivesse mais em sua presença, a aqueles que Deus escolheu para usar nas escrituras sagradas, inspirados pelo seu Santo Espírito. Está dando vasão e espaço para o diabo trabalhar em sua vida e não sabe.

Deus é fonte de águas vivas, ao qual podemos clamar Aba, Pai! Ele nos ama, tem o seu melhor, precisamos nos achegar a Ele, e Ele se achegará a nos outros. Precisamos nos limpar dessa natureza imunda que nos separa de Deus. Clamar por novo coração, um coração de carne, um coração ingênuo como de uma criança, pronto para aprender, com o Senhor. E estar atento e nunca renegar a sua voz.

É em meio a sujeira, misérias, lamentos e clamores que finalmente percebemos que necessitamos do Senhor. As vezes, é necessário chegar ao ponto de nos sentirmos como sepulcros caiados para nos rendermos, e infelizmente isto acontece. Mas até assim acontece por amor.

É entender que converter nosso riso em pranto e alegria em tristeza significa entender que nos alegramos nesse mundo, com as coisas deste mundo, e se o príncipe deste século é Satanás, as coisas deste mundo hoje só podem ser contrárias as de Deus, e com estes olhos, aí sim, só poderemos sentir tristeza e pranto. Mas acredite, não é o que Deus quer para nós.

É necessário nos humilhar na presença de Deus e nesta postura, de corações abertos para Jesus nos tratar, seja em nossa área emocional, seja em nossa área da vaidade ou soberba, seja na polêmica área financeira. Ele tem mais do que salvação para nossas almas, livramento ao leão que ruge querendo nos devorar, andando ao nosso deredor, esperando a oportunidade. Deus tem vida, e vida em abundância. A escolha é sua. Ele te deu a sua palavra, o seu filho, o seu espírito.

É como diz em Hebreus, Jesus se deu para tirar o pecado de muitos. Parafraseando, acredito podermos interpretar que não será de todos. Espero que seja também para você, só depende do seu livre-arbítrio, use-o!

Ricardo de Magalhães Cruz (24/03/2008)
ricardo.dmc@gmail.com

Texto Bíblico: Almeida Corrigida e Fiel

Anúncios

2 comentários sobre ““… os quais entreguei a Satanás…”

  1. Pastor eu sou casado. Mas sempre vivi uma vida morna e dupla. Tive bons momentos na igreja mas eu cai. E da pior forma. Eu bebi muito. Me envolvi com drogas e pra piorar. Com adultério. Um dia veio um clique na cabeça. Me arrependi. Chorei pedi perdão a Deus. Voltei pra igreja comecei a orar e estudar a palavra diariamente. Mas agora veio o acusador e comecou a dar mostras de que adquiri aids por causa do me erro. Não fiz exame mas emagreci e sinto dores no corpo. Pior. Eu posso ter contaminado minha esposa e o nosso filho pq ela ta grávida. Minha questão eh. Apesar do erro e diante do meu sincero arrependimento. Deus pode ter entregue minha carne para salvar meu espírito?

    • Olá amado.
      Deus pode fazer isso sim, pois a única coisa que tem sentido na vida é a salvação.
      E para cada ação que realizamos, temos consequências. Como você estava fora da salvação de Cristo, o seu julgo esteve sobre as tuas costas.
      O que importa saber é que Deus é Fiel e Justo para nos perdoar de todo e qualquer pecado quando nos arrependemos e os deixamos. E ainda diz que onde abundou o pecado superabundará a graça de Deus.
      Se você realmente se arrependeu e abandonou estes pecados, e está aos pés de Cristo, você precisa primeiro através da Fé agarrar a sua salvação.
      Estando certo disso, você precisa crescer espiritualmente diante da palavra avivada pelo Espírito de Deus, e ela garante que Ele levou sobre si as nossas dores e enfermidades.
      Você precisa encarar tudo de frente. Precisa fazer o exame. Precisa conversar e abrir tudo perante a sua família.
      Precisa pedir perdão pelo que fez, a Deus e a sua família.
      E precisa cancelar, rejeitar, anular e destruir todo pacto, toda ação, que você fez no passado, e todo vínculo com Satanas, através do sangue de Cristo vertido na Cruz.
      Quando pedimos uma pizza e não cancelamos o pedido, podemos mudar de idéia e querer comer outra coisa, mas o entregar vai vir com a pizza e vai querer o dinheiro combinado. Da mesma forma com nossa vida. Se agora servimos a Cristo, precisamos rejeitar e cancelar os pactos, pedidos, alianças que fizemos. Se não ele virá cobrar. Mas você tendo cancelado, e lavado pelo sangue de Cristo, nenhuma acusação há, assim diz a palavra de Deus.
      Entenda isso amado, nossa vida tem que ser transparente, em oração, encarar tudo de forma limpa, e sabendo que servimos a um Deus bom e justo, e que nos ajudará.
      A libertação, a cura, a salvação, depende só da fé e das obras que justifiquem esta fé. Porque a obra de Deus já foi feita há mais de 2 mil anos atrás. Deus não precisa fazer mais nada, Ele já fez. Agora falta você. Pelo entendimento, revelação e crescimento na palavra de Deus alcançará cada vitória. Cresça na palavra, e encontrará as respostas, os consolos, a força e as estratégias para vencer cada uma destas etapas, e tudo isto, virará testemunho para a Glória de Deus Pai.
      Em Cristo encontrará o que procura: a vida. Pois está vivendo a morte, salário dos pecados.

      Lembre-se, Jesus ama você, e Ele fez tudo que tinha que fazer para que hoje você possa ter vida e vida em abundância.

      Em Cristo,

      Ricardo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s